População da zona sul dá seu recado em ato contra a privatização do Hospital Campo Limpo!

Nesta terça-feira, 14 de Julho, foi realizado um ato, organizado pelo Sindsep (Sindicato dos Servidores Municipais de São Paulo), pelo Fórum de Saúde do Campo Limpo, pelo Movimento Popular de Saúde do M`Boi Mirim e a Coligação Saúde Paulistana contra a terceirização do Hospital do Campo Limpo.

Em meio à pandemia que já atingiu mais de 70 mil mortos em todo o Brasil e mais de 1500 mortos na região em torno do Hospital, o prefeito Bruno Covas (PSDB) quer entregar a administração do Pronto-Socorro, UTI Adulto e Pediátrica, centro cirúrgico, clínicas ortopédica e médica, leitos da internação e atendimentos ambulatoriais para a organização social de saúde (OSS) do Hospital Israelita Albert Einstein.

Vale lembrar que o Hospital do Campo Limpo é referência em traumas, neurocirurgia e psiquiatria e o único hospital público da região, atendendo a população do Campo Limpo e Capão Redondo.

Com gritos de “Não, não, não à terceirização” centenas de manifestantes se reuniram em frente ao hospital na manhã de ontem. O ato reuniu os/as trabalhadores/as da saúde do Hospital, o sindicato dos/as médicos/as, o sindicato dos/das enfermeiros/as, além de moradores/as da região, vereadores/as e movimentos sociais.

A diretora do Sindsep, Lourdes Estevão, abriu a fala dizendo que o hospital é “fruto da luta da população da região” sendo o “único hospital da região com as portas abertas para a população” e que, diferente do hospital do M’ Boi Mirim, atende à todos/as.

Após a fala de Lourdes também houve a fala de alguns vereadores e líderes sindicais e de movimentos como Guilherme Boulos do MTST, que disse que o hospital do Campo Limpo “não terá o mesmo padrão que o Albert Einstein tem no Morumbi”, pois o interesse da OSS é lucrar. Por fim foi realizada uma caminhada pacífica em direção ao terminal João Dias, encerrando assim o ato.

O GOI esteve presente na manifestação e apoia as iniciativas de trabalhadores e trabalhadoras da saúde, usuários e usuárias do serviço público, e ativistas em defesa do SUS de se organizar e lutar por melhorias nos serviços públicos prestados à população, sobretudo da periferia. Não à privatização/terceirização do Hospital Campo Limpo! Em defesa do SUS e dos serviços públicos!

Abaixo algumas imagens do protesto feitas pelo Sindicato da categoria e militante do GOI:

2 comentários em “População da zona sul dá seu recado em ato contra a privatização do Hospital Campo Limpo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s