Abaixo a “reforma” da Previdência! Chega de enrolação das centrais sindicais! Organizar a Greve Geral pela base, já!

A “reforma” da Previdência ameaça aumentar a miséria e o desemprego no Brasil, principalmente para a juventude trabalhadora. É preciso organizar e unificar a nossa luta para derrotar esta “reforma” e o governo patronal de Bolsonaro.


O Dia de Luta de 22 de março mostrou que há disposição de luta da nossa classe: ocorreram manifestações nas capitais e paralisações de servidores federais, trabalhadoras e trabalhadores da educação, metalúrgicos e motoristas e cobradores de ônibus.


Mas, ao invés de marcar um Dia de Greve Geral para dar continuidade à luta, as centrais sindicais estão segurando o movimento à espera do dia da votação da reforma no Congresso. Esta política das direções das principais centrais (CUT, Força Sindical, CTB, etc) e dos principais partidos que falam em nome da classe trabalhadora (PT e PC do B) dá tempo para o governo avançar com a reforma e pode levar nossa luta à derrota! É a mesma política que aplicaram em 2017, quando após a greve geral de 28 de abril as direções recuaram da luta dando chance ao raquítico governo de Temer aprovar a “reforma” Trabalhista e depois passar o poder para Bolsonaro.


As direções da esquerda que se apresentam como alternativas (PSOL, PSTU, Intersindical, CSP-Conlutas, MTST, Frente Povo Sem Medo) não denunciam o imobilismo das centrais e partidos majoritários, nem apresentam um plano de luta alternativo, se contentando em ficar a reboque do PT e da CUT.


É preciso que os trabalhadores e trabalhadoras exijam de suas direções que organizem de fato a luta contra a “reforma” através de um Encontro Nacional de Base com representantes eleitos nos locais de trabalho. Ao mesmo tempo, temos de organizar Comitês de Luta contra a “reforma” nas fábricas, escolas, serviços públicos e empresas para que os/as ativistas de base tomem em suas mãos a organização da luta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s