Marcha de Imigrantes desafia Trump

Não é de hoje que milhares de pessoas se arriscam nas fronteiras do México com Estados Unidos em busca de melhores oportunidades de emprego e de vida. O muro de Trump na fronteira e a crise política, econômica e social dos países centro-americanos, está levando pessoas de Honduras, Guatemala e El Salvador a se juntarem numa caravana rumo aos Estados Unidos.

A “Marcha de Imigrantes” teve início em Outubro e já conta com mais de 10 mil homens e mulheres caminhando milhares de quilômetros a pé, com a fé e a coragem como bagagem, abandonando familiares e tudo que possuem. Em resposta à marcha, Trump está aplicando sanções econômicas aos países dos imigrantes, aprofundando a sua miséria. Além disso, enviou milhares de militares para a fronteira com o México, autorizando o “uso de força letal” contra as pessoas desarmadas.

Recentemente, Trump sequestrou e prendeu crianças em jaulas como punição aos pais que as trouxeram para os Estados Unidos. Nesta semana, uma criança de 7 anos morreu de desidratação sob custódia dos agentes da fronteira americana e cenas dramáticas de imigrantes com seus filh@s pulando o muro que divide o México dos Estados Unidos, e sendo presos pelos agentes da fronteira, repercutiram nos principais meios de comunicação.

A crise imigratória que ocorre no mundo todo é fruto da crise e da ganância capitalista-imperialista, que gera fome e miséria, principalmente nos países mais pobres e leva os setores mais oprimidos da nossa classe a abandonarem seus países de origem e se arriscarem nas fronteiras. 

É fundamental denunciar as medidas anti imigratórias que estão sendo aplicadas pelos governos burgueses e pró-imperialistas, como a intervenção federal de Michel Temer em Roraima, que irá barrar milhares de imigrantes venezuelan@s de entrar no Brasil, e encher de solidariedade a “marcha dos imigrantes” do mundo, numa campanha unitária em defesa d@s que derrubam as fronteiras e enfrentam o imperialismo, fortalecendo sua luta por melhores condições de vida e trabalho, pelo fim da xenofobia, do racismo e pela união dos povos explorados e oprimidos!

marcha imigrantes.png
10 mil imigrantes marcham até o México na esperança de conseguir atravessar a fronteira com os Estados Unidos

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s