COMO VEMOS AS NOSSAS TAREFAS APÓS 18 DIAS DE GREVE DO FUNCIONALISMO ESTADUAL DO PARANÁ?

Servidor@s ocupam a Alep e chamam Fora Feder!

Já tínhamos alertado da necessidade de construir a greve nas escolas e nos locais de trabalho desde o início de 2019 de forma paciente e periódica fazendo com que a pauta de reivindicações da greve fosse construída pela base até chegar ao governo. Um caminho inverso do que é feito nas negociações com os governos onde se espera que os governos deem algo de razoável e não aquilo que realmente devem as categorias do funcionalismo estadual e suas condições de trabalho.

Mesmo as direções sindicais não incentivando uma organização sindical de base nas escolas e locais de trabalho, uma vanguarda de luta de milhares foram aos dois atos estaduais, e nestas semanas passaram dia a dia para chamar o conjunto das categorias a paralisarem seu trabalho, principalmente na educação, enquanto as direções sindicais no FES (Fórum de Entidades Sindicais) tentavam algum acordo possível.

As propostas apresentadas até agora pelo governo e pela maioria da ALEP são vergonhosas e escandalizaram pela humilhação, fazendo o conjunto das categorias fortalecerem a greve e o conjunto da classe trabalhadora e da população no Paraná entender a nossa luta em defesa dos direitos e dos serviços públicos.

O 0,5% e os atuais 2,0% em 2020 de uma inflação devida de 17% é apenas a demonstração do desprezo que o governo do Rato e seus deputados da ALEP têm com a educação, a saúde, a segurança pública e o funcionalismo de conjunto. O desprezo e provocação maior saiu no dia 09 de julho quando o deputado do PSL, Missionário Arruda, chamou o funcionalismo estadual em greve de “vagabundos” e outras desqualificações. Com a ocupação da ALEP no dia 09 de julho até o dia 10 de julho a partir da fala miserável de um deputado provocador e a instalação do recesso parlamentar na ALEP pelo articulador do massacre do 29 de Abril de 2015, Ademar Traiano (PSDB), abre-se um novo momento da nossa luta e devemos nos preparar.

A NECESSIDADE DE COMBINAR A DISPOSIÇÃO DE LUTA DA VANGUARDA COM UMA ORGANIZAÇÃO DE BASE E UNIFICAÇÃO NAS ESCOLAS, COMUNIDADE E LOCAIS DE TRABALHO. CONSTRUIR A UNIDADE NA LUTA DE TODO O FUNCIONALISMO!

O governo do Rato e seus deputados perdem rapidamente o apoio da população e da classe trabalhadora. A disposição de luta da vanguarda, que fez dois atos estaduais e aos milhares, saiu às ruas e ocupou a ALEP por um dia, precisa agora urgentemente construir comandos unificados de base nas escolas e bairros, unindo a categoria da saúde, universidades estaduais, policiais civis e policiais militares.

Precisamos construir os comandos na base e nos bairros abertos à comunidade, aos estudantes, a todas e todos que precisam de educação, saúde e segurança pública. Na educação pública precisamos usar o recesso escolar para fortalecermos mais e mais a organização na base e se enraizar nas comunidades escolares e bairros.

As direções sindicais do FES, e em especial, a direção estadual da APP, deve colocar todo o nosso recurso financeiro para montar tendas e bases nos bairros, fazer panfletagens e usar carro de som, chamar reuniões nas escolas, igrejas, associações de moradores, onde for possível, e organizar juntos os comandos de greve unificados e na base com a comunidade escolar e a população.

Por mais que sejam importantes as atividades no Centro Cívico, nas ruas do centro da capital Paranaense, em momentos de atos públicos aos milhares, devemos urgentemente montar um calendário de luta com a organização pela base bem próximo do dia a dia da população e da classe trabalhadora na periferia e nos bairros, principalmente na educação durante o recesso escolar.

Não podemos aceitar que acabem com os nossos salários, carreiras e profissões. Nem que acabem com os investimentos e as condições de trabalho nas escolas, hospitais, postos de saúde, universidades e na segurança pública, destruindo os serviços públicos paranaenses.

  • CONSTRUIR COMANDOS DE GREVE UNIFICADOS NOS BAIRROS, NAS ESCOLAS E NOS LOCAIS DETRABALHO!
  • FORA FEDER JÁ!
  • VAMOS DERROTAR O RATO, TRAIANO E SEUS DEPUTADOS NAS RUAS E NA GREVE!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s