Vitória da mobilização: liberdade cantou para os jovens do Engenho

No dia 18 de Novembro de 2020, durante uma operação da Polícia Militar de João Dória (PSDB), quatro jovens haviam sido presos por um crime que não cometeram quando estavam dentro da EMEF Iracema Marques da Silveira, no Parque do Engenho, periferia do Capão Redondo. Ali se iniciou o pesadelo de Alexssandro, Kelvim, Erick e Rafael e suas famílias, que se viram obrigadas a se organizar para provar a inocência deles.

Acompanhados pela Rede de Proteção Contra o Genocídio e apoiados na solidariedade de amigos, vizinhos e ativistas da região, as famílias fizeram uma importante luta para exigir justiça e denunciar a prisão forjada dos jovens. Marchas, panfletagens, abaixo assinado e ações de divulgação nas redes marcaram a mobilização pela “Liberdade aos Inocentes do Engenho”. Os jovens ficaram presos por 2 meses, até que fosse concedida a liberdade provisória.

Neste sábado, 22/5, após seis meses vivenciando na pele a injustiça do Estado, as famílias e os jovens receberam a notícia que eles haviam sido absolvidos do crime que não cometeram. Finalmente, Alexssandro, Kelvim, Erick e Rafael, poderão deixar para trás essa página em suas vidas.

A lição que fica deste caso, assim como tantos outros que acontecem diariamente nas periferias do Brasil, é de que somente a luta e a mobilização podem ser capazes de impedir a política genocida, racista e de encarceramento em massa nas quebradas. O exemplo das famílias do Engenho, que inclusive fizeram todo o trabalho de investigação para provar a inocência dos jovens, nos mostra que a nossa única defesa é a luta.

Saudamos aqui todos aqueles e aquelas que fizeram esta vitória ser possível. E seguimos mobilizados para denunciar e exigir justiça para todos os presos e presas inocentes de nossa quebrada. A luta continua!

Um comentário em “Vitória da mobilização: liberdade cantou para os jovens do Engenho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s