Mural que denuncia o Estado racista de Israel é censurado na Alemanha

O mural “People’s Justice” ou Justiça do Povo, de autoria do coletivo indonésio Taring Padi, foi censurado na mostra de arte contemporânea Documenta, realizada em Kassel, na Alemanha, sob a acusação de “antisemitismo”. A diretora da mostra, Sabine Schormann, foi demitida, e o mural foi retirado. A obra de arte faz uma denúncia do Exército…… Continuar lendo Mural que denuncia o Estado racista de Israel é censurado na Alemanha